14/05/20 - Caesb faz doação de 140 máscaras “face shields” para o Hospital Universitário de Brasília (HUB)



Equipamentos foram produzidos na impressora 3D da Empresa, com materiais doados pelos próprios empregados


A Companhia de Saneamento Ambiental do Distrito Federal (Caesb) doou 140 máscaras de proteção contra o novo coronavírus ao Hospital Universitário de Brasília (HUB), instituição pública federal, vinculada à Universidade de Brasília (UnB).

Os equipamentos “face shields” foram produzidos na Companhia e são compostos por uma viseira transparente – feita com folha de acetato – e um suporte para a cabeça produzido na impressora 3D. Toda a matéria prima utilizada na produção das máscaras entregues foi doada à Caesb pelos próprios empregados, entre eles os aposentados.

A entrega ocorreu nesta quarta-feira (13) na oficina da Empresa, na unidade do Setor de Indústria e Abastecimento (SIA). Chefe do Setor de Apoio Terapêutico do HUB, Liana Gomide agradeceu a doação e ressaltou a importância da ajuda. “O HUB tem se preparado para receber os pacientes, tem treinado as equipes, desenvolvido protocolos. A chegada desses equipamentos fortalece nossa proteção e os cuidados com os profissionais que estão na linha de frente do combate ao coronavírus.”

Chefe da Unidade de Graduação e Cursos Técnicos do HUB, Fernanda da Rosa reforçou a importância da doação e do uso das máscaras. “Esses equipamentos vão ser entregues para profissionais que já estão atuando no combate à Covid. É um importante reforço para o HUB.”

Para o Diretor de Operação e Manutenção da Caesb, Carlos Eduardo Pereira, a ação da Caesb mostra a união e o cuidado com os profissionais que seguem trabalhando mesmo neste momento de pandemia. “Nossa preocupação é proteger os profissionais da Caesb, já que nossas atividades não podem parar. A confecção das máscaras surgiu por isso. Estamos usando a nossa oficina, que conta com equipamentos modernos, para produzir esse importante equipamento de proteção. A doação ao HUB é uma forma de agradecimento pela parceria e ajuda que as equipes nos deram na elaboração do projeto. É uma entrega de toda a Caesb ao hospital”, reforçou o diretor.

Produção

O trabalho de produção das máscaras foi coordenado pelos engenheiros mecânicos da Caesb, Marcos Barboza, gerente de Engenharia e Desenvolvimento, e Eduardo Burgos, coordenador de Desenvolvimento da Manutenção.

“Fiquei sensibilizado ao ver médicos e outros profissionais da saúde com os rostos marcados pelas máscaras e pensei que poderíamos fazer algo para amenizar estes efeitos. A nossa motivação foi o conforto e a proteção de todos que estão na linha de frente nesta guerra contra a Covid-19”, lembrou Eduardo Burgos.

Até chegar no modelo atual, os engenheiros testaram outras opções. “Esse modelo final é o quarto. Chegamos até ele depois de muitos testes e estudos. Foi a máscara que saiu com o preço mais acessível e seguindo as recomendações de segurança e prevenção”, completou Marcos Barboza.

A produção das máscaras
https://www.caesb.df.gov.br/8-portal/noticias/1081-14-03-20-caesb-usa-impressora-3d-para-produzir-mascaras-de-protecao-contra-o-coronavirus-covid-19.html


 

 

Engenheiro Marcos Barboza

 

Engenheiro Eduardo Burgos

 

Crédito das fotos: Marco Peixoto (Caesb)